História de superação de Geraldo Rufino marca lançamento da 2ª edição do Empreenda Caraguatatuba

CAPA-DSC_4044-Cópia

A Prefeitura de Caraguatatuba promove o “Empreenda Caraguatatuba 2019” entre os dias 18 e 22 de setembro, das 14h às 21h, na Praça da Cultura, no Centro.

O lançamento do maior evento de empreendedorismo do Litoral Norte foi marcado pela palestra “Quais São Seus Valores?”, com empresário e escritor, Geraldo Rufino, proprietário da JR Diesel, líder em reciclagem de caminhões na América Latina.

Coordenado pela Secretaria de Planejamento Estratégico e Desenvolvimento, o 2º Empreenda Caraguatatuba reúne mais de 110 expositores de diversos ramos da cidade e da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte (RM/Vale) e nove estabelecimentos na praça de alimentação, incluindo três ocupantes de espaços sorteados entre participantes do 14º Caraguá a Gosto, em uma aérea coberta de 4.950 m².

Além dos expositores, o lançamento contou com a participação do prefeito Aguilar Junior; do vice-prefeito e secretário de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão, Campos Junior; da presidente do Fundo Social de Solidariedade de Caraguatatuba, Samara Aguilar; do secretário de Planejamento Estratégico e Desenvolvimento, e de Administração; Pedro Ivo de Sousa Tau; do gerente regional do Sebrae/SP, Jardel José Busarello; do gestor do Posto do Sebrae Aqui de Caraguatatuba e do Litoral Norte, Eduardo Hilário; do diretor-geral do Parque Tecnológico, Marco Antonio Raupp; do presidente da Associação Comercial e Empresarial de Caraguatatuba (ACE), Sávio Luiz dos Santos; do presidente da Associação de Hotéis e Pousadas de Caraguatatuba (AHP),Thiago Fabrette; e dos vereadores Renato Leite Carrijo de Aguilar e Aguinaldo Pereira da Silva Santos; e de diversos secretários municipais.

De acordo com o prefeito Aguilar Junior, o 2º Empreenda Caraguatatuba é a chance dos empresários da região se fortalecerem. “É o segundo ano desse evento, que reúne os melhores empreendedores da cidade e da nossa região para trocarem ideias e fomentar negócios”, disse.

Aguilar Junior aproveitou para falar um pouco sobre sua trajetória empresarial. “Como surgiu essa vontade minha de empreender? Em 2009, quando eu e meu irmão (Tato Aguilar) abrimos a nossa loja de material de construção, fiquei como presidente da rede associativista da qual a Zelar fazia parte, por dois anos. E com toda essa vontade de empreender, eu disse: ‘Enquanto prefeito, eu posso fazer a diferença. Nós podemos ter um comércio forte e uma cidade próspera, fazendo parcerias’, recordou. “É isso que busco diariamente. Aí, lançamos o Empreenda Caraguatatuba 2018, com 71 estandes do comércio local, sete espaços de alimentação, rodadas de negócios e naquele momento, tivemos 10 mil visitantes. Poderíamos até ter tido mais visitantes, mas tivemos o fechamento da serra (Rodovia dos Tamoios), por três ou quatro dias. Mesmo assim, o evento foi um sucesso”, comemorou. “Também cito dois ‘cases’ de sucesso: Tio Coxinha e Açaí Mix JCR, desde o Empreenda 2018, vocês estão voltados para o mundo vendendo franquias. O mundo está conhecendo essas duas empresas genuinamente de Caraguatatuba” reforçou.

O prefeito também expôs dados que representam o crescimento do Empreenda Caraguatatuba. “E esse ano teremos 119 estandes, abrimos para empresas da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte; teremos sinalização bilíngue, cinco dias de evento em vez de quatro, três casas participantes do Caraguá a Gosto, na Praça de Alimentação, mais rodadas de negócios, fraldário, happy hour, coleta seletiva e diversas palestras”, elencou. “Convindo vocês a participar da minha palestra de abertura na próxima quarta-feira (18/9), às 15h, em qual vamos falar de PMI (Procedimento de Manifestação de Interesse), concessões, aquário municipal, táxiboat, Mirante do Camaroeiro, Morro de Santo Antônio, entre outras coisas. É uma grande oportunidade de conhecer nossos projetos”, finalizou.

A Palestra

Durante uma hora e meia, Geraldo Rufino relatou o início de sua trajetória e vida e profissional como catador de latinhas em um lixão de São Paulo, passando pelas seis vezes que quebrou (incluindo perda do dinheiro das latinhas escondidas em terreno baldio, que cedeu lugar a um campo), até se tornar empresário do ramo automotivo, escritor e palestrante, sem esquecer à importância do legado de sua mãe.

Para Rufino, as oportunidades não surgem por acaso. “‘O brasileiro é muito bom, mas só precisa de oportunidade.’ Sou o primeiro a defender  essa frase, porque realmente o brasileiro é muito bom, porém você não ganha as oportunidades, você as cria com a sua iniciativa, com a sua fé.  A vida é feita de escolhas, então procure as melhores escolhas”, aconselhou.  “‘Qual é a melhor escolha?’ É a que você tem para hoje. ‘O Que você pode fazer hoje?’ ‘Catar latinhas?’ Então essa é a melhor escolha. Deus não sacaneia ninguém. É o que você tem ‘pra’ hoje! Faça o melhor possível. Quando arrumei o emprego de office boy (no Playcenter) aos 13 anos, meus patrões eram judeus, alemães. Eu não queira saber de nada. Eu queria saber do seguinte: eles me deram uma vaga com 13 anos e eu vou ser o office boy que faz a diferença. Eu trabalhava 12 horas por dia, mas já era acostumado a essa jornada”, relembra.  “Olha como é ruim você acreditar só em coisa negativa, as pessoas diziam que eles eram racistas, que eu não podia nem entrar na sala deles. Com a minha memoriazinha boa, lembrei o que minha mãe dizia lá atrás que eu podia, só dependia de eu quer. Continuei entrando na sala deles. Fiquei lá dos 13 aos 30 anos, de Office boy a diretor. Com 25 anos, já ganhava 81 salários mínimos (da época)”, acrescentou.

O empresário falou da força do trabalho em equipe em sua carreia. “Para vocês terem uma ideia de que todo mundo é igual, nós temos uma família com 150 empreendedores. As domésticas são doutoras ou empreendedoras. Todo mundo na minha família é bem sucedido porque somos um time, um apoia o outro, um que abriu um CNPJ trouxe o outro. União! Empreenda, o nome já diz: faça alguma coisa. Ficar no sofá não é bom para ninguém, dá depressão e baixa estima. Você precisa querer fazer a diferença. Esse é um evento que todas as cidades deveriam fazer para motivar as pessoas a despertarem o gigante que tem em cada um de nós. Aproveitem o Empreenda Caraguatatuba e façam a diferença. Vocês verão a força que isso tem! Quando começa a discussão esquerda, direita, centro não se chega a lugar nenhum. Agora quando tem união, time, propósito, paixão e orgulho da cidade, o Empreenda torna-se uma oportunidade de mudar de comportamento para impactar a vida de todo o município. Isso pode espalhar e mudar a vida de todo um país porque quando uma cidade se torna referência através do Empreenda, outras começam a copiar Caraguatatuba”, concluiu.

O Palestrante

Em seu perfil no Twitter (@geraldorufino_), Geraldo Rufino, de 60 anos, se define como ex-ensacador de carvão, ex-catador de latinhas, quebrou seis vezes, maior reciclador de caminhões do Brasil, palestrante, escritor e irritantemente feliz.

Nascido em Campos Altos (MG), Rufino veio para São Paulo com quatro anos para morar na favela do Sapé, perdeu a mãe aos sete, foi trabalhar numa fábrica de carvão aos oito e depois, com nove, passou a catar latinhas num lixão. Na adolescência, trabalhou no parque de diversões Playcenter como office boy. Sempre manteve a chama empreendedora dentro de si e em 1985 criou a JR Diesel.  A empresa tinha dois caminhões que se envolveram em um acidente, causando a perda total dos veículos, que não possuíam seguro. O que parecia o fim, se tornou um novo começo. O empresário decidiu desmontar os caminhões perdidos e vender as peças. Nascia aí, a JR Rufino a maior empresa de reciclagem e desmonte de veículos da América Latina. O negócio rende anualmente R$ 50 milhões. Um pouco da história e visão de mundo de Rufino podem ser conferidas nos livros:     “O poder da Positividade: Os 7 princípios para blindar a sua mente e transformar a sua vida (2018)” e “O catador de sonhos (2015)”.

Acompanhe a matéria completa em: http://www.caraguatatuba.sp.gov.br/pmc/2019/09/historia-de-superacao-de-geraldo-rufino-marca-lancamento-da-2a-edicao-do-empreenda-caraguatatuba/